Sábado, 22 de Janeiro de 2022
21°

Poucas nuvens

Manhuaçu - MG

Anúncio
Internacional Internacional

Enchentes na Austrália forçam milhares a abandonar suas casas

Fortes chuvas começaram afetar as cidades do país na quinta-feira (18), mas as enchentes se intensificaram no final de semana

22/03/2021 às 11h20
Por: Redação Fonte: R7 - Da Ansa
Compartilhe:
Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

 Mais de 18 mil pessoas precisaram ser evacuadas de suas residências no estado de Nova Gales do Sul, na Austrália, em decorrência das enchentes causadas por uma violenta onda de mau tempo

As fortes chuvas começaram afetar as cidades do país na quinta-feira (18), mas as enchentes se intensificaram no final de semana

Diversas imagens mostrando estradas, árvores e casas completamente submersas se espalharam pelas redes sociais

Diversos rios e represas na região de Sydney, que é a capital de Nova Gales do Sul, transbordaram

No domingo (21), os serviços de emergência informaram que receberam milhares de pedidos de ajuda, além de terem efetuado centenas de resgates. Um alerta de mau tempo também foi emitido para o estado vizinho de Queensland

A primeira-ministra de Nova Gales do Sul, Gladys Berejiklian, confirmou que nenhuma morte foi relatada

Ela descreveu a notícia como "um milagre", tendo em vista as violentas tempestades que atingiram a região

"Eu não sei de nenhum momento na história do estado em que tivemos essas condições climáticas extremas em uma sucessão tão rápida no meio de uma pandemia", declarou Berejiklian

Segundo informações da emissora "BBC", o premiê da Austrália, Scott Morrison, ofereceu ajuda em dinheiro para as famílias que foram forçadas a abandonar suas casas

 Entre as pessoas que foram salvas pelas equipes de resgate, está uma família que foi levada de helicóptero do telhado da sua casa totalmente submersa

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Ele1 - Criar site de notícias