Quarta, 08 de Dezembro de 2021
24°

Pancada de chuva

Manhuaçu - MG

Cidades Final feliz

O jovem Guilherme agradeceu pela ajuda e chegou seguro em Alto Jequitibá

O jovem Guilherme que estava no estado do Rio de Janeiro em busca de oportunidade de trabalho, após não conseguir emprego, retornou para Minas andando. Na estrada ele foi abordado por um motorista que gravou o vídeo e ajudou com cem reais. Em seguida o motorista fez uma oração.

19/06/2021 às 11h09 Atualizada em 21/06/2021 às 14h30
Por: Redação
Compartilhe:
Guilherme agradeceu a todos que compartilharam e ajudaram, pois ele foi muito bem recebido por onde passou as pessoas já estavam sabendo de sua história, com isso todos os ajudaram.
Guilherme agradeceu a todos que compartilharam e ajudaram, pois ele foi muito bem recebido por onde passou as pessoas já estavam sabendo de sua história, com isso todos os ajudaram.

ALTO JEQUITIBÁ (MG) – O jovem Guilherme que estava no estado do Rio de Janeiro em busca de oportunidade de trabalho, após não conseguir emprego, retornou para Minas andando. Na estrada ele foi abordado por um motorista que gravou o vídeo e ajudou com cem reais. Em seguida o motorista fez uma oração. Na manhã deste sábado, 19/06, o Portal Alfavip conversou com o motorista, Amaro Eduardo que ajudou o Guilherme.

Amaro Eduardo tem 34 anos, empresário no ramo imobiliário na cidade de Nova Iguaçu-RJ, foi ele o autor do vídeo que contribuiu com Guilherme. Nesta manhã conversamos também com o vereador de Alto Jequitibá, Alexsandro de Souza, que foi até a casa do Guilherme e gravou um vídeo com ele, contanto como foi sua viagem de retorno para Minas.

Guilherme agradeceu a todos que compartilharam e ajudaram, pois ele foi muito bem recebido por onde passou as pessoas já estavam sabendo de sua história, com isso todos os ajudaram.

ASSISTA O VÍDEO

Redação do Portal Alfavip

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários